Indiretas Maternas

A importância do ensino bilíngue na educação 

Crianças são esponjas. Absorvem tudo o  que aprendem com facilidade. Esse não é um ditado popular, mas uma frase montessoriana que diz muito sobre o universo infantil. É na primeira infância, por exemplo, que a criança desenvolve todo o conhecimento que chega até ela. E, convenhamos, conhecimento nunca é demais! 

Por isso, os colégios particulares têm se preocupado cada vez mais em aproveitar essa fase e inserir novos vocabulários, como um segundo idioma, às crianças da educação infantil. Este é chamado de ensino bilíngue.

O que é o ensino bilíngue?

Basicamente, o ensino bilíngue nada mais é do que uma educação ampla em duas línguas, ou seja, possui competências em outro idioma que são aplicadas em diferentes contextos dentro do aprendizado escolar.  

Antigamente o ensino bilíngue era opcional, hoje ele se tornou essencial para quem procura um ensino particular. 

Como é o aprendizado da criança com o outro idioma?

A princípio, como dissemos acima, a adaptação da criança ao universo do segundo idioma se dá de maneira natural. Aos poucos e com muita vivência, ela vai absorvendo o ensino bilíngue oferecido pela sua unidade escolar. 

Segundo pesquisas, a criança precisa de treinos frequentes que potencializam essa diferenciação. Há casos também em que elas, na idade da primeira infância (de 0 a 7 anos), mesclam os dois idiomas – o nativo e o oferecido pela escola. 

Vale lembrar também que, caso o processo seja exercido de maneira natural, o conhecimento não é esquecido e a introdução à segunda língua é captada pela criança assim como a língua falada em casa. 

Benefícios da educação bilíngue

São vários os benefícios de um método bilíngue adotado por uma escola particular. Dentre eles:

1 – Submersão de outro idioma: sem dúvida, um outro idioma é algo diferente na vida das pessoas. Por isso, a escola particular que adota o método bilíngue tem que se preparar muito bem para poder entrar no universo desse segundo idioma. Ela deve se preocupar desde a contratação de uma equipe especializada neste método e até mesmo na preparação de um espaço personalizado. Tudo isso para manter normas mais integrativas à criança.

2 – Aprendizado natural: como dissemos acima, a maneira como a criança irá captar o segundo idioma será totalmente natural. A abordagem em que será feita essa transmissão à criança é que deve ser leve e sempre favorecendo o aprendizado. Como ele estará submerso ao idioma, naturalmente isso irá sendo absorvido. 

3 – Futuro: esse é o maior benefício de uma educação bilíngue. O futuro da criança que tem a oportunidade de dominar uma segunda língua é promissor. Estudantes que já têm esse domínio conseguem expandir as possibilidades de comunicação e se destacam no mercado de trabalho futuramente.

Como funciona o método?

A escola que optar pela educação bilíngue deve ter total domínio da fluência do idioma escolhido, que por sua vez, estará dentro do contexto disciplinar, ou seja, todas as disciplinas oferecidas para aquele aluno de educação infantil serão desenvolvidas dentro deste método. 

Como ressaltamos, é uma imersão envolvente, que garantirá o desenvolvimento de inúmeras habilidades, como comunicação, criatividade, flexibilidade e coletividade.

Sair da versão mobile