Gente que esclarece

Rachaduras nos seios: como continuar amamentando?

Por Lorena Oliveira

Uma das principais causas de desistência durante a amamentação são as alterações que ocorrem nos seios, especificamente, os mamilos rachados. Para resolver este empecilho é necessário combater a sua causa, iniciando pela observação do bebê no momento em que está mamando, se está fazendo a pega corretamente, e, por conseguinte, a limpeza do mamilo.

Recomendações para cuidados e limpeza dos seios

Durante a gravidez, a aréola do peito já se transforma para embolsar a boca do bebê. Sua cor se altera, ficando mais escura, e a pele desse local permanece um pouco mais grossa e menos sensível. Para auxiliar, a mãe pode realizar o banho de sol, deixando o seio exposto, aproximadamente 15 minutos por dia, optando pelo sol anterior as 10h da manhã e após as 16h.

Depois do nascimento do bebê, não use nenhum produto para limpar ou hidratar as mamas, sobretudo na região das aréolas, que é o local onde o bebê deve indispensavelmente realizar a pega.

Não é indicado fazer a higienização do mamilo com álcool, mertiolate ou qualquer outro conteúdo durante o período da amamentação, para não prejudicar o neném. Quando acontecer alterações capazes de danificar os mamilos, como feridas, é imprescindível que se continue praticando o aleitamento materno, atentando a maneira que o bebê está mamando, ajustando não só a boca do bebê, mas, também a posição no colo, e escolher somente duas opções para amenizar o problema: passar somente o leite materno ou pomada de lanolina no bico do peito. Estes, auxiliam na cicatrização e não prejudicam a continuação do aleitamento materno.

Pega correta

Para que o bebê consiga sugar corretamente, extraindo a maior quantidade de leite possível a cada mamada e não provocar as rachaduras nos mamilos da mãe, o pequeno precisa estar posicionado da seguinte maneira:

 Permanecer com a barriguinha encostada na barriga da mãe.

 Estimular a boca do bebê para que no momento da pega esteja bem aberta, abocanhando também a aréola.

Ainda assim, é importante mudar a posição em que aleita constantemente. Existem bebês que sentem a necessidade de arrotar na mesma mamada, o que torna uma ótima oportunidade para a mãe alterar a posição do bebê.

Como realizar a higienização do mamilo

Para efetivar a higiene do mamilo precisamente deve-se utilizar algumas gotinhas do próprio leite materno ou uma pequena quantidade de pomada de lanolina nos mamilos e aréola. Logo após, é recomendável que as mães deixem as mamas ao ar livre para que sequem completamente, evitando assim alguma infecção.

Durante o banho use somente água e sabonete nas mamas e enxugue com uma toalha de tecido maleável. Após o banho, não deixe de colocar discos de amamentação dentro do sutiã, pois assim ele irá proteger o contato direto da pele com a lingerie, além de manter os mamilos mais confortáveis e secos, impedindo infecções.

As rachaduras não são originadas pelo tempo que o bebê fica sugando o seio da mãe, mas sim pelo ressecamento da pele e da “má pega” do bebê na aréola e por esse motivo esse acontecimento deverá ser imediatamente retificado. Os profissionais de saúde, tanto o médico quanto o enfermeiro poderão auxiliar na pega do bebê e assim melhorar a ejeção do leite e impedir o incômodo que as rachaduras podem ocasionar.

Lorena Oliveira é Enfermeira graduada pela Universidade Federal de Uberlândia, blogueira, apaixonada por obstetrícia e aleitamento materno mas, o melhor de tudo: louca pra viver a maternidade! Escreve no blogdalo.com.br

Sobre o Autor:

Do site:



No Comments

Leave a Reply