Família, Gente que esclarece

Guia de alimentação vegana infantil

Há algum tempo acompanho uma página no Facebook chamada Vegana é a sua mãe, onde sempre pego ótimas dicas sobre veganismo, maternidade, sustentabilidade entre outros assuntos. Ano passado, acompanhei a Julia Harger, autora do blog, na tradução de um Guia completo de alimentação vegana infantil, e fiquei apaixonada pelo material. Apesar de ainda não ser vegana, acompanho muitos grupos e materiais acerca do assunto e sempre busco receitas. O material é ótimo mesmo para famílias não veganas, e então fui conversar com a Julia sobre o assunto.

Ela que é mãe da Dominique e instrutora de Yoga, respondeu às minhas perguntas gentilmente, contando o que a motivou a traduzir o guia, assim como dando dicas para famílias que buscam o vegetarianismo:

Julia, o que te motivou a traduzir o guia?

Esse guia eu encontrei enquanto estava pesquisando sobre alimentação vegana para crianças, o que tenho feito muito desde que soube que estava gravida. Desde que eu fiz o meu blog para dividir a minha jornada criando uma filha vegana, recebo muitas questões sobre o estilo de vida, sobre nutrição, pedidos de receitas, etc. e as vezes nao dava conta de responder tudo. Ai tive a ideia de entrar em contato com a organização que projetou esse Guia gratuito, a First Steps Nutrition Trust e pedi autorização para traduzir e disponibilizar no meu blog. Foi um processo que levou bastante tempo, mas valeu a pena. Acho que ele vai esclarecer muita coisa para quem se interessa no estilo de vida e principalmente vai desconstruir mitos sobre a dieta vegana, o que precisamos urgentemente fazer.

E o que você falaria para as famílias que buscam uma alimentação vegetariana, uma dica, um conselho, uma ajuda?

Uma dica que eu daria para famílias que pretendem criar filhos vegetarianos seria o exemplo. Acho que o exemplo é muito poderoso, muito mais que as palavras então a vontade de criar um filho vegetariano pode ser uma oportunidade para que toda a família vire também. Acho absolutamente importante procurar profissionais alinhados com o pensamento, como nutricionistas, pediatras, etc. pois infelizmente ainda há muitos mitos sobre alimentação vegana e existem muitos profissionais desatualizados que acabam usando informações ultrapassadas para desmotivar as famílias a criar filhos vegetarianos. Vegetarianismo vai além de dieta, é um valor, um estilo de vida. Então também acho válido passar valores de compaixão para as crianças, de bondade, ensina-los a saber se colocar no lugar do outro… as crianças ja nascem sabendo amar e tudo isso é fácil de ensinar para elas. Outra coisa que preocupa todos é a questão social. Estamos inseridos num Mundo onde a maioria das pessoas seguem a dieta onívora então a criança vai saber que segue um estilo de vida diferente. Acho interessante tanto ensiná-la a conviver com essas diferenças, mas também frequentar grupos de mães ou de crianças que também seguem o estilo de vida, assim a criança convive com mais gente que pensa da mesma forma que ela. E por ultimo a minha dica é se informar muito, se munir de informações boas sobre o nosso estilo de vida. Vegetarianos ja recebem criticas diariamente, e mães sofrem palpites, né? Imagina maes vegetarianas, rs, vai ter sempre alguém dizendo que voce nao poderia estar fazendo isso, por isso é sempre bom estar preparada. 

Conheça o blog Vegana é sua mãe!

E baixe o guia de alimentação vegana infantil!

Sobre o Autor:

Do site:



No Comments

Leave a Reply