Empreendedorismo

7 maneiras de perder a timidez na hora de gravar vídeos para seu blog

Se você tem um blog e muita vontade de gravar vídeos, mas morre de vergonha saiba que não está sozinha! Acredite que muitas pessoas passam por isso, é normal, principalmente quando é algo novo! Quando eu pego os vídeos antigos dou muita risada, primeiro pelo jeito de falar, depois pela iluminação que era muito ruim e por último pelas edições. De lá pra cá algumas coisas melhoraram, a gente vai aprendendo e principalmente pegando gosto. De tenso vai ficando divertido gravar e, consequentemente, os vídeos melhores.

Se quer gravar vídeos e a timidez anda atrapalhando aqui estão sete maneiras de perder essa timidez:

1- Grave sozinha: gravar sozinha, somente com a câmera pode ajudar a timidez a ir embora. A gente se sente mais à vontade e ajuda muito quem está começando. Até hoje eu prefiro gravar sozinha, acho que as ideias fluem melhor, mas ter alguém para trabalhar foco e iluminação também pode ser bacana, pelo menos no começo.

2- Entenda o assunto: muitas vezes a timidez vem da falta de controle ou conhecimento do que se vai falar. Quando não nos sentimos confortáveis com o assunto, também não nos sentiremos confortáveis na câmera, por isso, na hora de gravar vídeos, escolha assuntos que domine, ou se for uma experiência pessoal, reveja toda a experiência antes de começar. Se for criar um canal, procure sempre falar de assuntos (ou pelo menos começar) que você é apaixonada, não sabe o quanto isso facilita as coisas.

3- Faça um roteiro: mesmo que o vídeo seja a respeito de algo que viveu, uma experiência pessoal, é muito importante que faça um breve roteiro antes, com pelo menos os pontos que serão explorados. Isso passa segurança e deixa o vídeo mais leve de ser feito e a timidez costuma ficar em segundo plano.

4- Seja você: quando vamos começar a gravar vídeos, é comum a gente começar a ver muitos vídeos de vários canais. E claro, sempre vamos nos inspirar, pegar ideias legais, mas nunca deveremos querer imitar ou passar uma imagem que não corresponde com a real. Querer seguir uma linha que não tem nada a ver com a gente é a maneira mais fácil de travar na produção de um vídeo.

5- Avalie seu trabalho: gravou um vídeo? Assista! Muita gente não gosta de se ver no vídeo, confesso que não sou fã, mas essa é a única maneira de avaliarmos o nosso trabalho. Anote as coisas que quer melhorar e mudar e mãos à obra.

6- Saiba lidar com as críticas: está aí um dos maiores motivos que muitas pessoas não querem gravar vídeos, as críticas. Saiba que você receberá muitos elogios, mas não receber críticas é bem difícil. Algumas pessoas serão mais ácidas e isso é super normal, não ache que é só com você. Portanto, pegue as críticas, veja o que pode tirar de bom delas e siga em frente.

7- E o principal, não desista: a gente se acostuma, pela gosto pela coisa, mas só se fizermos, talvez repetidas vezes, até entender como funciona. Por isso, não dá pra gravar um vídeo e dizer que não tem jeito pra coisa, é preciso mais, é preciso treino, é assim com a maioria das coisas que a gente faz na vida!

Agora, uma coisa acho muito importante falar: gravar vídeos é difícil, não é fácil e demanda, tempo e estudo. Se você não gosta de jeito nenhum, não acredito que seja uma boa você forçar. Mas se for só a timidez, então vai lá, pegue o que você tem e dê um passo de cada vez!

E como fazer com as crianças? 

Procuro gravar na maioria das vezes quando as crianças não estão em casa quando o vídeo é sério, para os cursos, palestras ou assuntos mais complexos. Quando os vídeos são mais tranquilos, elas participam e me ajudam muito. No segundo caso, é mais tranquilo, porque não precisa de tanta concentração e se for interrompida não há problema.

Sobre o Autor:

Do site:



No Comments

Leave a Reply